Eduardo Galeano e a utopia

Diversas vezes fui apresentada, ainda que de relance, a Eduardo Galeano. Primeiro me falaram que sua obra “As Veias abertas da América Latina” era maravilhosa, independente de sua inclinação política, que o jornalista e escritor uruguaio expressa na obra ou em sua vida.

Da última vez, meu professor de espanhol me passou um vídeo muito interessante. Me encantei não apenas pela língua, que acho muito poética, mas pelo seu olhar desanuviado, que transmite com clareza e leveza um controverso conceito: o da utopia. Valendo-se de uma resposta dada por seu amigo e produtor de cinema argentino Fernando Birri a alunos da Universidade de Cartagena das Índia, ele diz: “a utopia serve para caminhar”. Mesmo sabendo que ela vai se afastando à medida que nos aproximamos dela, ela nos dá força para continuar andando.

Segue o vídeo da entrevista.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: